INTERNAS

04/10/2018 09:34

E-Ranking cidadão avalia desempenho parlamentar em Mato Grosso nos governo Dilma e Temer

O Laboratório de Estudos Político-sociais (Labep) traz um panorama global da atuação parlamentar de deputados e senadores no Congresso Nacional acerca de matérias priorizadas pelo governo federal.

A publicação disponibiliza à sociedade o desempenho legislativo referente aos mantados da ex-presidente Dilma Roussef (PT) e, de seu sucessor, Michel Temer (MDB), no que versa sobre: as modificações na concessão dos benefícios Seguro-desemprego, Pensão por Morte e Auxílio-doença, Teto dos Gastos Públicos; Reforma Trabalhista; Terceirização e exploração do Pré-Sal.

Após ampla análise, o instituto de pesquisas oportuniza mecanismos para que o cidadão possa avaliar, de forma clara e o objetiva, o exercício de seus representantes dentro das Casas de Leis.

O levantamento atribuiu valor positivo àqueles que trabalharam em consonância com os anseios da sociedade, no enfrentamento às desigualdades estruturais para promover o desenvolvimento e valor negativo à performance parlamentar que rendeu prejuízos à população.

O que se pretende, a partir disso, além de apresentar informações sobre as ações políticas e o exercício do Poder Legislativo, no momento que antecede as eleições de 2018 é fortalecer a democracia, incentivando a efetiva participação política cidadã, legitimada por meio do voto consciente, para que a sociedade brasileira possa escolher cada vez melhor seus representantes.

ANÁLISE

No Mato Grosso, que conta com oito deputados federais e três senadores, o parlamentar melhor avaliado nesta edição do e-Ranking Cidadão foi o deputado Ságuas Moraes (PT). Os piores avaliados foram os senadores José Medeiros (PODE), Cidinho Santos (PR) e Wellington Fagundes (PR).

Ságuas Moraes ganhou pontos positivos por atuar em consonância com a sociedade, votando contra o fim do monopólio da Petrobrás sobre a exploração do Pré-Sal; Teto dos Gastos Públicos e Reforma Trabalhista. Perdeu pontos por apoiar mudança de regras do acesso à Pensão por morte e Auxílio-doença. Já o senador José Medeiros, o pior avaliado no estado, perdeu pontos por votar com o Planalto em projetos que reduziram os direitos trabalhistas e diminuíram o papel do Estado. O parlamentar estava fora de seu mandato à época da aprovação da Terceirização da Atividade-fim e se posicionou contra o endurecimento à concessão do Seguro-desemprego.

O desempenho geral dos parlamentares do estado pode ser consultado na plataforma virtual do E-Ranking Cidadão (https://www.labep.com.br/e-ranking-cidadao).

Fonte: Fenafisco 

 


Redes Sociais

Localização

Rua Marechal Floriano Peixoto, Nº48
Edifício Décio Matoso - Centro -Cuiabá-MT
Fone:(65) 3027-1111 | Fone/Fax:(65) 3027-4613 CEP 78005-210
Email:secretaria@siprotaf.org.br

Filiações

versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo